Siga a Corpore
A Corpore LinksContato
 

VI Corpore Campos do Jordão - Veja como foi

15/09/2008, por Marcel Trinta

Veja mais sobre a prova
Galeria de fotos

Mais uma vez, as montanhas, trilhas e estradas da bela Campos do Jordão foram o cenário e a inspiração para os atletas completarem a VI Corpore Campos do Jordão Corrida e Bike na Montanha, realizada no último dia 13 de setembro, que esse ano trouxe como novidade a realização de uma prova paralelamente, o Desafio Pico do Itapeva – Campos do Jordão.

Com arena montada na praça João de Sá, em frente ao Hotel Alcalá (que apoiou fortemente a prova, disponibilizando sua estrutura), o evento teve início no dia 12, quando as equipes já retiravam seus kits e recebiam as últimas instruções para a prova.

Na manhã de 13 de setembro, a partir das 6h as primeiras equipes partiram para completar os 142km de prova. Os atletas de final 1 ou reservas se aqueciam e aguardavam o momento de sua bateria, enquanto os membros da equipe faziam uma festa e os incentivavam, já mostrando o espírito de confraternização que esse tipo de evento traz.

Elizabeth Alves, da equipe Run & Fun / Dupont, aguardava sua primeira largada em Campos, já que essa foi sua estréia na prova. “Minha primeira prova em Campos, mas já estive na Ilha 3 vezes. Estou um pouco mais tensa aqui, mas estou preparada e vamos ver”. O motiva da tensão era ter que correr um pouco mais do que esperava: “Tivemos uma baixa. Dividiria os trechos com uma reserva que acabou não vindo e vou fazer os 3 trechos para não desclassificar a equipe”.

Ao passar das baterias, o sol ia nascendo e mostrando que não viria com a mesma força dos dias anteriores, o que pôde ser comemorado pelos participantes, principalmente pelo corredor com final 4, que encararia o trecho 4 e a subida do pico do Itapeva, dois pontos dos mais difíceis da prova, mas que com o passar do tempo deixou de “assustar” os corredores. “Já fui o corredor 4 outras duas vezes. Esse primeiro trecho é bem difícil, mas eu gosto, adoro o desafio. Estou acostumado a correr montanhas então consigo fazer bem os trechos”, contou Carlos Batista da Silva, da AGFA - Performance.

Às 9h, enquanto a prova rolava por toda Campos do Jordão, tivemos a largada do primeiro trecho de bike que agradou os ciclistas. “Percurso bem técnico e tem que ter bastante resistência. Tem que carregar a bike em alguns trechos. É um percurso bem completo e gostei muito”, afirmou Juari, da equipe Sempre às 4h.

Edivandro de Souza Cruz, da Ilhabela A também gostou muito do percurso. “Fiz uma boa prova e tenho uma intimidade com Campos do Jordão. No mês passado ganhei uma competição aqui que tem um percurso parecido, então consegui abrir no começo e manter a ponta”, contou o atleta que completou o trecho na primeira posição.

Depois de passar por 15 trechos mais a segunda perna de ciclismo e o trecho todos juntos, aos poucos as equipes iam completando seu percurso e fazendo uma grande festa.

Na noite do evento, na concha acústica, localizada na Praça de São Benedito – Vila Capivari, foi realizada a cerimônia de premiação da prova, que contou com a presença de José Eduardo Mariano Carlos, secretário de esportes da cidade, que resumiu a importância do evento para Campos do Jordão: “A cidade só tem a ganhar com isso e cada ano que passa nós percebemos que o evento cresce. A cidade agradece muito a presença da Corpore”.

Depoimentos

“Falta corridas aqui em Campos. Devia ter mais, corridas maiores, menores. Campos do Jordão é uma cidade que merece ter mais eventos e participação de pessoas de fora, e nós agradecemos a vocês”
Luiz Henrique da Silva- 3º equipe geral- Equipe de Campos

“A equipe está de parabéns, todos muito bem treinados buscaram o resultado. A corrida é uma boa oportunidade para todo mundo ver o quanto nós lutamos. A sensação de correr nesse percurso é bem legal, mas não é fácil, tem que treinar bastante”
Jeferson Marcilio dos Santos- da equipe Parque Estadual Campos

“Sou campeão brasileiro de prova de montanha e achei o evento muito bom. Essa corrida vai abrir muitas portas para novos corredores de montanha”
Odilon de Jesus- 1º lugar Equipe Ilha Bela




 
Últimas notícias
Maratona de Nagoya
Centro Histórico 2019
Meia Maratona 2019
Análise genética potencializa resultados de dietas e ati ...
Livro do Murakami
Treinamento Mental
Certificado AIMS Meia Maratona
Pesquisa dor nos ombros
Sedentarismo no Brasil
Global Running Day
Meia Maratona 2018
 
Por: Marcel Trinta

2002-2022 Corpore. Todos os direitos reservados. Política de privacidade
Orgulhosamente desenvolvido pela FTECH