Siga a Corpore
A Corpore LinksContato
 

Primeiro Treino Técnico 2004 - Veja como foi

16/02/2004, por Marcel Trinta

 

Na manhã do dia 14 de fevereiro aconteceu o primeiro Treino Técnico do ano de 2004. O dia estava perfeito para a corrida: clima agradável, sem sol forte e frio para atrapalhar os atletas. O treino foi ministrado pela equipe Ação Total, comandada por Renato Dutra, Diretor Técnico da ATC (Associação dos Treinadores de Corredores de Rua).

Cerca de 100 associados da Corpore compareceram ao treino intitulado “Limits: Explorando os limites através da mente”, no qual a intenção foi trabalhar tanto o físico como o mental dos atletas.

O treino começou por volta das 8h30 e desde o seu início teve um clima bastante descontraído. Renato apresentou como seria o treinamento e o classificou como um treino difícil, afirmando que isso não seria um problema, “pois os corredores gostam de sofrer”.

Renato falou sobre o treino Limits, onde explicou que o atleta deve mentalizar um objetivo, trabalhar a mente para atingir o seu próprio limite. Segundo Renato, “essa parte metal do treinamento é tão importante quanto o treinamento físico e, às vezes, a diferença para aumentar a performance vai além do físico, é necessário usar a mente”. Ele também deixou bem claro que isso não é nenhuma invenção dele, pois já foram feitos estudos com resultados muito positivos sobre esse tema. “Fomos orientados por um psicólogo que nos ensinou para que pudéssemos ministrar esse treinamento mental”.

Para poder utilizar melhor a pista de atletismo do Complexo Constâncio Vaz Guimarães, os corredores foram divididos em dois grupos da seguinte maneira:
- Grupo 1 - corredores que fazem uma prova de 10Km em 55 minutos ou abaixo;
- Grupo 2 - corredores que fazem uma prova de 10Km em 55 minutos ou acima.

Após a divisão, os grupos partiram para o aquecimento, com um trote pela pista. Depois disso, os grupos se reuniram novamente e se deu início a parte metal do treino. Nele os treinadores (Danilo e Felipe com o grupo 1 e Renato e Marco com o grupo 2) pediram para os atletas relaxarem e então passaram a programação da parte prática, explicaram como seria o treinamento para que os corredores pensassem nele, visualizassem o que teriam que fazer. Essa parte mental dura mais ou menos 15 minutos e nela os técnicos fizem com que o atleta use a concentração e visualize certas circunstâncias vivenciando mentalmente uma prova ou treino difícil.

Depois disso, partiram para os alongamentos e começou a parte prática do treino que contou um treinamento intervalado em sistema super série de 1200m, com 400m Forte (ritmo 5km) + 400m Moderado (ritmo 10km) + 400m Trote (recuperação ativa). Foram 3, 4 ou 5 repetições de 1.200m dependendo de cada grupo.

Para complementar o treino técnico, os atletas se alongaram novamente e Renato falou sobre a importância da parte mental para um corredor e que todos que estavam ali deveriam começar a introduzir nos seus treinos e corridas o que foi feito, ou seja, sempre tentando visualizar a prova inteira, saber o que você irá fazer durante o percurso, mentalizando como atingir o seu limite máximo. Para provar a importância disso ele diz que “o resultado deste treino foi bom, pois os atletas passavam os tiros de 400m no tempo proposto”.

 

 

Confira as declarações de quem esteve lá:
“Infelizmente esse é o meu primeiro treino técnico na Corpore. Sou sócia há apenas 9 meses e acabei perdendo os outros. Pra mim esse treino foi muito bom, pois sou meio desesperada e ter que manter o tempo foi importante. Achei bem legal. Foi dentro do que eles propuseram. Agora sempre que sair inscrição para treino eu já vou fazer!" [Elcione Isabel Dantas Couto]
“Estava sempre a procura de uma equipe para me auxiliar, fazer treinos como esse e após me associar à Corpore, no meio do ano passado, consegui isso.
Mesmo tendo trabalhado a noite inteira e estar cansado sabia que valeria muito a pena participar do treino. Já é o meu segundo treino e sei como é bom participar e receber instruções de treinadores. O bem-estar que a prática da corrida nos traz não tem comparação com nada”. [Marcilio Lopes de Mendonça]

“Sou sócio há 5 anos e talvez o mais assíduo freqüentador de treinos. Venho em todos, pois sempre me atualizo, recebo dicas de bons profissionais e posso levar essas coisas para a competição. Todos deveriam freqüentar.” [Edvaldo Bueno do Prado]

"Em cada treino você aprende uma coisa diferente, por isso é bom vir em todos. Você pega um pouquinho aqui, um pouquinho ali e acaba ficando fera. Daqui a pouco vou poder até dar um treino!!
Desde o primeiro treino venho melhorando muito nas corridas. Devo muito aos técnicos. Fiz até parte do ranking Corpore no ano passado!!"[Creuza Fialho]

"O treino foi muito importante e vamos levar para o nosso técnico em Bragança para dar a oportunidade aos nossos outros atletas que não puderam vir aprender o que aprendemos." [Edinei Lopes, representante oficial da Ascobrapa - Associação dos Corredores de Bragança Paulista]

"Há quatro anos estou rankeado e venho participando de quase todos os treinos e provas. O treino de hoje foi fantástico e nos ajuda a aprimorar cada vez mais. Vamos levar tudo isso para a nossa associação em Bragança.
A Corpore atingiu a excelência em organização de provas e eventos. Há quatro anos sou sócio e acho que cada vez melhora mais, se é que isso ainda é possível." [Edson José Gomes da Silva]

"O treino foi bem dentro do esperado, o que foi ótimo, pois foi um desafio técnico e logístico grande. A pista é um local físico apertado para tanta gente. Fizemos um planejamento para que todos pudessem fazer a corrida dentro da pista. Foi um desafio profissional e tudo foi bem concluído. Mais uma vez está provado que a Corpore tem uma importância muito grande ao dar suporte nesse movimento de corridas de rua no Brasil. Se Deus quiser faremos mais!" [Renato Dutra]

 

Fotos: Marcel Trinta



 
Últimas notícias
Maratona de Nagoya
Centro Histórico 2019
Meia Maratona 2019
Análise genética potencializa resultados de dietas e ati ...
Livro do Murakami
Treinamento Mental
Certificado AIMS Meia Maratona
Pesquisa dor nos ombros
Sedentarismo no Brasil
Global Running Day
Meia Maratona 2018
 
Por: Marcel Trinta

2002-2022 Corpore. Todos os direitos reservados. Política de privacidade
Orgulhosamente desenvolvido pela FTECH