Siga a Corpore
A Corpore LinksContato
 

Diabetes pode causar infarto, AVC e doenças cardiovasculares

17/07/2012, por Corpore
Diabetes pode ser responsável por infarto, AVC, e doenças cardiovasculares
 
Falta de controle da doença pode trazer complicações clínicas, que, se não tratadas, podem interferir na qualidade de vida do paciente.
 
São Paulo, julho de 2012 – No Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, estima-se que existam cerca de 11 milhões de portadores de diabetes, sendo que somente 7,5 milhões são diagnosticados. A diabetes é caracterizada pelo aumento anormal de açúcar no sangue, sendo uma das cinco doenças que mais matam no país. Vale considerar ainda que, se não controlada, pode aumentar a aparição de outras doenças como infartos, derrames, problemas cardiovasculares, amputação de membros inferiores, perda da visão e perda da função da renal. É importante destacar, inclusive, que 50% das pessoas que fazem hemodiálise são portadores de diabetes e que a doença também é a principal causa de cegueira no mundo.
 
O endocrinologista Dr. Fadlo Fraige Filho, chefe de Serviço de Endocrinologia do Hospital Beneficência Portuguesa e presidente da Associação Nacional de Assistência ao Diabético (ANAD), ressalta a importância de estar atento aos sintomas da doença para que seja diagnosticada e tratada adequadamente ainda no início. “Muitas pessoas que possuem diabetes tipo 2 passam anos sem diagnóstico, isso devido a características da doença e pelo desconhecimento dos médicos não especializados, dificultando o tratamento, o que pode levar a sérias complicações”, reforça o médico. Desta forma, é fundamental que as pessoas sejam mais informadas sobre como prevenir e tratar a patologia.
 
Acompanhamento médico, uma rotina de atividades físicas e uma alimentação saudável, são ótimas aliadas para um melhor controle da doença e também uma forma de não acarretar outras complicações ao paciente. O médico ressalta que é necessário manter uma dieta equilibrada e personalizada, que deve ser monitorada adequadamente pelo seu médico. “É importante que o paciente mantenha hábitos saudáveis, sem excessos calóricos e refeições menos ricas em gordura”, explica Dr. Fadlo.
 
Nas refeições, o diabético deve ingerir preferencialmente carnes brancas com um prato bem variado e colorido de salada com verduras e legumes: alface, rúcula, tomate, cenoura ralada, rabanete, pepino etc. Além de ajudar no equilíbrio da alimentação, o prato é sugestivo e motiva a pessoa a ter uma boa alimentação. “As complicações da diabetes praticamente não existem quando o paciente faz um tratamento adequado, com o acompanhamento do médico especializado, neste caso, o endocrinologista”, destaca o presidente da ANAD.
 

 

 



 
Últimas notícias
Livro do Murakami
Treinamento Mental
Certificado AIMS Meia Maratona
Pesquisa dor nos ombros
Sedentarismo no Brasil
Global Running Day
Meia Maratona 2018
Centro Histórico 2018
Calendario de Eventos AIMS
Calendário AIMS
Curso Nacional de Nutrologia
 
Por: Corpore

2002-2018 Corpore. Todos os direitos reservados. Política de privacidade
Orgulhosamente desenvolvido pela FTECH