Siga a Corpore
A Corpore LinksContato
 

XI Corrida Bombeiros DixAmico - Veja como foi

02/07/2006, por Marcel Trinta

Premiação
Resultados

Galeria de fotos

Pelo 11º ano consecutivo, Corpore e Bombeiros se uniram para fazer uma bela prova que colocou cerca de 6mil atletas para correr pelas ruas do Ipiranga. Com a arena montada no Parque da Independência, com uma bela vista do Museu do Ipiranga de um lado e a bandeira do Brasil hasteada do outro, os atletas começaram a chegar a partir das 6h, quando ainda estava bem escuro, para retirar o chip de cronometragem e se preparar para a prova.

Às 7h55 aconteceu a largada dos PNEs, que tiveram apoio dos Guias Voluntários e premiação Corpore pela primeira vez nessa mesma prova, há dois anos. Como não poderia deixar de ser, as classes funcionais Deficiente Mental, Deficiente Visual, Amputados de Membros Inferiores e Les Otres foram premiadas mais uma vez nesse evento, estimulando cada vez mais a participação dos PNEs e aumentando a sua inclusão social.

Mas a grande massa de corredores largou cinco minutos depois. Exatamente às 8h a buzina soou e os participantes partiram num ritmo forte nos primeiros quilômetros de prova, aproveitando o clima propício para a corrida. Até o km 4 um pelotão de corredores vinha lado a lado, mas a partir de então, Wellington Correia Fraga e Marildo José Barduco conseguiram se distanciar.

A subida que começou próxima ao km 6,5 beneficiou Wellington que tomou a ponta e não deu mais chances a Marildo. “No início da prova, até o km 4 é um percurso que favorece muitos atletas chegarem junto nas primeiras colocações. Optei por ficar ali e imprimir um ritmo maior na subida. Consegui abrir e quando chegou no km 8 só controlei para chegar na frente”, contou o campeão.

Marildo conseguiu o lugar mais alto do pódio em muitas corridas Corpore desse ano e mesmo ficando em segundo lugar na XI Corrida Bombeiros DixAmico, ele sentiu o gosto de vitória: “Para mim foi mais que uma vitória. Cheguei e a prova já tinha largado e mesmo assim consegui encostar no Wellington, mas com o cansaço não consegui vencer. Vim de Botucatu hoje, pegamos trânsito, achei que nem ia conseguir chegar; cheguei e não aqueci e mesmo assim consegui uma boa prova”.

Quando os primeiros homens cruzaram a linha de chegada, uma chuva já havia começado a cair, mas quem realmente a enfrentou foram os outros participantes, inclusive as primeiras mulheres. Mas isso não pareceu ser um grande problema para elas. “A chuva veio e deu até uma refrescada, foi muito bom”, afirmou Ilaine Wandscheer, primeira colocada nos 10km.

Quem também gostou da chuva foi a segunda colocada – que também vinha freqüentando o primeiro lugar nas provas Corpore constantemente – Simone Alves da Silva, que falou como foi a disputa. “Saí muito forte na prova, liderei até o km 6 e depois cai para a 4ª colocação. Briguei e fiquei em 2º, conseguindo ganhar posições na subida, pois subo muito bem.”

Apesar dos atletas não terem reclamado da chuva, isso acabou esvaziando um pouco a premiação, que se iniciou às 9h com entrega de troféus aos primeiros colocados na categoria geral, PNEs e Bombeiros. “A chuva foi muito boa para os corredores, mas infelizmente fez com que a premiação ficasse mais esvaziada. É uma pena, pois essa é uma prova muito tradicional sendo a 11ª edição dessa parceria importante com o Corpo de Bombeiros”, lembrou David Cytrynowicz, presidente da Corpore.

O Cel. Manoel Antonio da Silva Araújo, sub-comandante dos Bombeiros também falou sobre a importância da prova: “As nossas comemorações são feitas em 2 partes: a parte esportiva com o apoio da Corpore, e a parte militar com entrega de condecorações e exposições. Apesar da chuva tivemos uma prova brilhante e é ótimo ter essa prova nessa data festiva, no dia dos Bombeiros”.

Premiação

Geral

Wellington Correia Fraga Nike/Adauto Domingues
00:31:04
Marildo José Barduco VO2-Montevérgine
00:31:13
Adriano Bastos Pão de Açucar
00:31:31
Bernardo Alves da Silva IronMan Assessoria
00:31:35
Valdemir José Filho Sport Check-up HCOR
00:31:38
Ilaine Wandscheer Unicsul / Itu
00:36:25
Simone Alves da Silva VO2-Montevergine
00:36:58
Rosangela Fiqueredo E.C. Tavares
00:37:09
Flaviana Ferreira Adauto Domingues
00:37:10
Ana Luiza Garcez - Animal Run For LIFE / Corpore
00:39:00

 

Bombeiros

Alexandre Justo de Almeida Corpo de Bombeiros
00:33:56
Carlos Alberto Lauer Corpo de Bombeiros
00:36:02
José Maria Gama de Assis Corpo de Bombeiros
00:36:38
Luiz Flavio C. Nascimento Corpo de Bombeiros
00:36:42
Saulo Salla Corpo de Bombeiros
00:37:14
Gabriela Santos de Souza Corpo de Bombeiros
00:56:55
Silvana Cordeiro Vaz Corpo de Bombeiros
00:58:57
Patricia Ferrari Corpo de Bombeiros
00:59:45
Priscila Mayume Oyama Corpo de Bombeiros
00:59:57
Ana Paula G. Frischer Corpo de Bombeiros
01:01:24

PNEs

Les Otres

Ezequiel da Costa   00:36:35
Helio da Silva   00:38:47
Jefferson Luis Nunes Loja K12 00:46:17

Amputados

Edson Dantas Projeto Próximo Passo 00:38:57
Osvaldo Nascimento Firmo Projeto Próximo Passo  

Deficinete Mental Masculino

Carlos Ubirajara Rivaroli Loja K12 00:39:02
José Henrique Campos Loja K12 00:40:34
Enio Masaki Tatsuta Loja K12 00:43:13

Deficiente Mental Feminino

Monica Aversa Novaes Loja K12 00:56:30

Deficiente Visual Masculino

Jesus Tiburcio da Silva PEAMA 00:40:58
Alison Pereira da Silva CADEVI 00:41:30
Isael Vieira Ramos CADEVI 00:45:00

Deficiente Visual Feminino

Maria Jose da Conceição CADEVI 00:48:00
Maria Aparecida dos Santos PEAMA 01:06:16
Maria Inês Satermino PEAMA 01:13:30




 
Últimas notícias
Livro do Murakami
Treinamento Mental
Certificado AIMS Meia Maratona
Pesquisa dor nos ombros
Sedentarismo no Brasil
Global Running Day
Meia Maratona 2018
Centro Histórico 2018
Calendario de Eventos AIMS
Calendário AIMS
Curso Nacional de Nutrologia
 
Por: Marcel Trinta

2002-2019 Corpore. Todos os direitos reservados. Política de privacidade
Orgulhosamente desenvolvido pela FTECH