Siga a Corpore
A Corpore LinksContato
 

O papel da dosagem de hemoglobina na avaliação da anemia do atleta

A anemia diminui o desempenho do atleta porque reduz a capacidade de transporte do oxigênio para os músculos, diminuindo a capacidade aeróbica máxima, levando à menor resistência e maior fadiga. A anemia é definida como a redução do número de glóbulos vermelhos (hemácias) no sangue e ocorre quando o nível de hemoglobina de um indivíduo diminui abaixo dos valores considerados normais. A hemoglobina é uma proteína dos glóbulos vermelhos que transporta o oxigênio dos pulmões para os tecidos do organismo e traz o dióxido de carbono dos tecidos para os pulmões. O ferro é um componente da hemoglobina que auxilia nesse transporte. Uma das causas mais comuns de anemia é a deficiência de ferro.

Os atletas envolvidos em atividades físicas vigorosas podem desenvolver anemia. A chamada “anemia do corredor ou maratonista” foi diagnosticada pela primeira vez há mais de 100 anos, e ocorre pela associação da destruição dos glóbulos vermelhos de forma mecânica, ou seja, induzida pelo atrito do pé com as superfícies rígidas do chão, lesando pequenos vasos, e pelo aumento do volume sanguíneo e conseqüente diluição dos glóbulos vermelhos. Além disso, alguns atletas que correm longas distâncias (mais de 10 Km) podem apresentar com certa freqüência a deficiência de ferro, que pode levar à anemia e com impacto negativo no desempenho.

As mulheres atletas, em particular, podem apresentar maior incidência de anemia por deficiência de ferro devido à perda sanguínea na menstruação. Além disso, uma dieta inadequada pode criar uma situação de baixa ingestão de ferro.

A dosagem de hemoglobina é um exame que proporciona a informação necessária para a identificação da anemia e fornece um índice de sua intensidade. O desenvolvimento de novas tecnologias para a dosagem de hemoglobina, denominadas em conjunto de teste laboratorial remoto (“point-of-care testing”), permite-nos, atualmente, fazer a dosagem da concentração sanguínea de hemoglobina em campo, de forma precisa e com uma pequena gota de sangue obtida da ponta de um dos dedos do atleta. O resultado é obtido rapidamente, em poucos minutos. Isso facilita em muito a realização desse teste, a rapidez de sua interpretação e a tomada de decisão, ampliando seu uso na Medicina Esportiva.

A maioria das situações que causam anemia no atleta pode ser facilmente compensada nos indivíduos saudáveis, com medidas relativamente simples que vão desde uma dieta balanceada e apropriada, ao uso de tênis com proteções adequadas que reduzem os danos mecânicos que podem levar à anemia. Contudo, para isso é muito importante que os corredores utilizem programas de treinamento e condicionamento físico adequados e sempre definidos pelo seu treinador, bem como façam avaliações periódicas de saúde e sigam as orientações de seu médico.

Dra. Maria de Lourdes Chauffaille
Médica do Setor de Hematologia do Fleury - Centro de Medicina Diagnóstica



 
Últimas notícias
Centro Histórico 2019
Meia Maratona 2019
Análise genética potencializa resultados de dietas e ati ...
Livro do Murakami
Treinamento Mental
Certificado AIMS Meia Maratona
Pesquisa dor nos ombros
Sedentarismo no Brasil
Global Running Day
Meia Maratona 2018
Centro Histórico 2018
 
Por: Dra. Maria de Lourdes Chauffaille

2002-2019 Corpore. Todos os direitos reservados. Política de privacidade
Orgulhosamente desenvolvido pela FTECH